Ir para conteúdo

[Telona]
Filme de Paulínia participa de festival de cinema independente da Argentina

Longa-metragem ‘Fórmula Selvagem’ será exibido no BAFICI, considerado um dos maiores festivais do gênero na América Latina, nos dias 22, 23 e 28 de abril

14 abr 2022 – 5h30
Cena do ‘Fórmula Selvagem’: filme já foi exibido em festivais brasileiros e até na Alemanha (Foto: Divulgação)

Olonga-metragem “Fórmula Selvagem”, escrito, dirigido e montado pelo roteirista e diretor Flávio Carnielli, de Paulínia, fará parte da programação do 23º BAFICI – Festival Internacional de Cinema Independente de Buenos Aires, entre os próximos dias 20 de abril e 1º de maio, na capital da Argentina. Antes, o filme já esteve nas mostras nacionais Crash e Boca do Inferno, além do tradicional Weekend of Fear, da Alemanha, que já está em sua 24ª edição.

A história do filme se passa num país fictício chamado Panamérica, no início dos anos 80, quando um presidente maluco decide que todos os cidadãos devem participar de uma competição automobilística, a “Fórmula Selvagem”. Com o apoio da TV Estatal, acompanha-se a normalização (e a celebração) da violência, bem como a perseguição a todos aqueles que resistem por um exército inusitado.

Imagens de queimadas reais que aconteceram perto do teatro municipal foram aproveitadas (Foto: Divulgação)

O longa rodou praticamente em Paulínia. “Uns 5% do filme foram em outras cidades, Vinhedo e Campinas”, disse Carnielli. “As partes rurais eram filmadas no Parque da Represa; várias das ‘pistas’, no Parque Brasil 500, na ponte da Rhodia (que felizmente estava interditada), em Betel”. A equipe ainda fez cenas em dois bares de Betel e das queimadas durante a madrugada perto do teatro. “Morava no Jardim Ypê. Gravamos também nas alas em reforma no hospital municipal.”

Produzido de forma independente, “Fórmula Selvagem” contou com uma equipe toda formada na região, como a diretora de fotografia Helen Quintans (que no filme também assina a direção de arte e os figurinos), Guga Lourenço (desenho de som, trilha original e mixagem) e Filastor Brega (produção), além do músico Nino Fonseca, que reuniu músicas de bandas da região para o filme, como Cardíac, Insulto, Djamblê, Agente Secreto e Insanidade.

Cena gravada na região da ponte da Rhodia, quando ainda estava interditada ao trânsito (Foto: Divulgação)

O elenco do filme também é todo formado por atores da região, como Amanda Moreira, André Luis, Dennis Zapater, Hélcio Henriques, Ton Crivelaro, Tatiana Jodar, Amanda Costa, Cesar Póvero, Tatiana Jodar, Alexandra Sanches, Luiz Humberto Siqueira, entre outros. “Os atores são quase que totalmente de Campinas, a exceção de uma atriz colombiana e uma brasileira radicada na Espanha”, falou Carnielli.

De acordo com Carnielli, estar no BAFICI é uma grande realização para o filme e para o cinema da região: “Eu estou na mesma mostra do Darío Argento (famoso cineasta italiano), é um feito incrível para um longa metragem de guerrilha e sem dúvida deve ser um motivo de orgulho, para mim, para toda a equipe e para a nossa região.”

Estrutura abandonada no Parque Brasil 500 também  serviu de cenário para longa-metragem (Foto: Divulgação)

“Fórmula Selvagem” será exibido nos dias 22, 23 e 28 de abril em Buenos Aires, capital argentina, e também estará disponível on-line, já que o BAFICI desse ano acontece de forma híbrida devido a pandemia, por meio do link https://ciclosyfestivales.vivamoscultura.buenosaires.gob.ar/contenido/13021-formula-selvagem.

Ficha Técnica

 Fórmula Selvagem

Abasteça seu carro com sangue e suas veias com gasolina!

Ficção, terror, cor – 2022

– Roteiro, Direção e edição: Flávio Carnielli

– Direção de Fotografia, Arte e Figurinos: Helen Quintans

– Assistente de Direção: Wander Moliani

– Desenho de som, mixagem e trilhas adicionais: Guga Lourenço

– Trilha: Nino Fonseca

– Arte da Capa: Gustavo Cruzeiro

– Produção: Filastor Brega

– Elenco: Amanda Moreira, Dennis Zapater, Andre Luis, Luciana Bianconi, Amanda Costa,

Tatiana Jodar, Wander Moliani, Cesar Póvero, Alexandra Sanches, Ton Crivelaro, Hélcio

Henriques, Natália Mariotto, Luiz Humberto Siqueira, Natalia Terencio, Antonio Carlos

Theko, Adriana Bocalón, Oriana Del Mar, Sebastião Polaco e Lourdes Benatti.

– Trilha Musical: Djamblê – “Roda Gigante” Insanidade – “Gasolina” Agente Secreto –

“Sanidade” Cardíac – “A Vaga” Insulto – “Raiva da Realidade” Dirty Swede – “Drowning”

Tião Martins e Monte Bel – “Ah é?”

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.