Ir para conteúdo

[Confusão]
Paciente surta e depreda carro de médica na UBS Jardim Amélia

Mulher se revoltou após não conseguir passar seu filho que estava com febre com a pediatra da Unidade Básica de Saúde; ninguém se feriu

22 fev 2022 – 21h55
O veículo da médica com o capô riscado e vidro dianteiro quebrado: UBS Jardim Amélia (Foto: Reprodução de vídeo)

Uma paciente surtou e depredou na tarde desta terça-feira (22) o carro de uma médica na Unidade Básica de Saúde (UBS) Jardim Amélia, localizada no bairro Saltinho, em Paulínia. Ninguém se feriu nem foi preso.

A confusão começou depois que a estudante de Direito Jéssica Adriana da Silva Santos, de 31 anos, levou o filho dela de 7 anos com febre para passar pela pediatra do postinho de Saúde.  “Meu filho estava com 39,5 graus de febre, sem conseguir ficar em pé”, lembrou. “Liguei avisando que ia lá, pois o hospital pediu que fosse atendido no posto”.

Jéssica contou que há sete anos tem pasta na UBS Jardim Amélia. “A enfermeira me atendeu e chamou a médica”, falou. “Pedi atendimento e me foi negado. Implorei, chorei. Meu filho não abria o olho. Praticamente fiquei de joelhos, pedindo à médica para me dar uma vaga. Alegou que a agenda estava com cinco pacientes de rotina. Ela bateu a porta no meu rosto, me humilhou”.

Em seguida, afirmou Jéssica, a coordenadora da UBS Jardim Amélia levou no próprio carro Jéssica e o filho dela para o Hospital Municipal de Paulínia “Vereador Antônio Orlando Navarro”. “Meu filho conseguiu atendimento e fiz reclamação na Ouvidoria”, contou.

Vidro traseiro de veículo também ficou quebrado: queixa na Delegacia de Paulínia (Foto: Reprodução)

Jéssica então foi para casa, deixou o filho com uma amiga e retornou à UBS Jardim Amélia. “Após meu filho medicado, bem, seguro, voltei no posto e quebrei o carro dela”, disse. A estudante de Direito pegou uma pedra, riscou a lataria, escreveu “omissão socorro” no capô e quebrou o vidro dianteiro e o traseiro do carro.

A estudante afirmou que não fugiu. “Depois liguei na Delegacia, passei RG, CPF, nome completo e endereço”, explicou. “A polícia me falou que ainda não havia boletim, mas se houvesse entraria em contato. Não fugi. Sai do posto andando normalmente, não corri, entrei no Uber e voltei para casa”.

A Guarda Civil Municipal de Paulínia atendeu a ocorrência. A Prefeitura de Paulínia informou que registrou Boletim de Ocorrência como dano na Delegacia de Paulínia e adiantou que o caso será apurado. Também foram solicitados exames periciais no veículo.

A confusão na UBS Jardim Amélia aconteceu no mesmo dia que o prefeito Du Cazellato (PL) divulgou vídeo promovendo suas ações na área da Saúde em Paulínia. Veja a seguir:

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.