Ir para conteúdo

[Trânsito]
Rota das Bandeiras repassa R$ 1 milhão para a Prefeitura de Paulínia

Dinheiro é referente ao recolhimento de ISS que incide sobre contratação de terceiros para prestação de serviços na SP-332 e tarifas de pedágio

21 jan 2022 – 14h49
Praça de pedágio instalada em retorno da rodovia Zeferino Vaz, no trecho que corta Paulínia (Foto: Divulgação)

AConcessionária Rota das Bandeiras repassou pouco mais de R$ 1 milhão em Imposto Sobre Serviços (ISS) à Prefeitura de Paulínia durante o ano de 2021. Os 17 municípios que compõem o Corredor Dom Pedro de rodovias receberam juntos R$ 48,2 milhões. Impulsionada pelas obras da Perimetral, a cidade de Itatiba figura pela primeira vez no topo do ranking, ultrapassando Campinas.

Itatiba recebeu quase R$ 6 milhões a mais que Paulínia. A cidade em questão embolsou R$ 7,5 milhões ao longo do ano, aumento de 41% em relação ao repasse de 2020 (R$ 5,3 milhões). O ISS incide sobre a contratação de terceiros para a prestação de serviços nas vias, como a realização de obras, além das tarifas nas praças de pedágio. Cada cidade tem liberdade para destinar o valor a diferentes áreas, como Saúde e Educação, conforme necessidade.

“Mesmo em um momento de retração econômica provocada pelo coronavírus, a concessionária manteve seus investimentos em infraestrutura e contribui para o caixa dos municípios do Corredor Dom Pedro”, destacou o diretor-presidente da Rota das Bandeiras, Douglas Longhi. “A construção da Perimetral de Itatiba, por exemplo, conta com investimentos que ultrapassam R$ 145 milhões. O investimento privado favorece duplamente o município, com a ampliação viária e o repasse de ISS.”

O aumento no fluxo de veículos – após a queda acentuada de tráfego provocada pela pandemia, em 2020 – também contribuiu para um maior repasse aos municípios. Em 2020, foram destinados R$ 43,1 milhões, valor 10% abaixo do destinado no ano passado.

Desde o início da concessão, em 2009, a Rota das Bandeiras destinou cerca de R$ 446 milhões aos 17 municípios. Importante meio de ligação entre a Região Metropolitana de Campinas (RMC) e o Vale do Paraíba, o Corredor Dom Pedro é formado pelas rodovias D. Pedro I (SP-065), entre Campinas e Jacareí, e José Roberto Magalhães Teixeira (SP-083), entre Campinas e Valinhos, além de trechos da Rodovia Professor Zeferino Vaz (SP-332), entre Campinas e Mogi Guaçu e que corta Paulínia; Engenheiro Constâncio Cintra (SP-360), entre Itatiba e Jundiaí; e Romildo Prado (SP-063), entre Itatiba e Louveira.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.