Ir para conteúdo

[Paulínia]
Internações por Covid-19 voltam a pressionar UTI do hospital municipal

Boletim epidemiológico da Prefeitura desta quinta-feira informou que há oito pacientes em leitos de terapia intensiva por causa do novo coronavírus

24 set 2020 – 13h36
Profissionais de saúde trabalham em laboratório para realização de exames Covid-19 (Foto: Divulgação)

As internações em decorrência da Covid-19 voltaram a pressionar a Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Municipal de Paulínia “Vereador Antônio Orlando Navarro”. O boletim epidemiológico diário da Prefeitura informou que, até as 9h30 desta quinta-feira (24), oito pacientes ocupavam leitos de UTI – dois positivos para o novo coronavírus e seis casos suspeitos. Há uma semana, no dia 17 passado, eram somente dois.

O boletim desta quinta-feira da Prefeitura também trouxe mais 17 moradores infectados pela Covid-19, totalizando 3.434 desde o início da pandemia. O número de mortes segue 79. Não houve o registro de novos recuperados na cidade nas últimas 24 horas e eles somam 3.161 pessoas. Para o Ministério da Saúde, Paulínia já possui 4.995 moradores contaminados (+59 em relação a sua atualização anterior) e 78 óbitos em razão do novo coronavírus.

De acordo com as estatísticas municipais, Paulínia tinha nesta quinta-feira 194 pessoas com a doença ativa – oito delas internadas no hospital municipal e as demais em isolamento domiciliar. Outros 1.242 moradores ainda aguardam resultados de exames para confirmação ou não da Covid-19. Somente dois desses ocupavam leitos hospitalares da rede municipal de Saúde. Até aqui o município descartou 1.398 notificações – 778 por meio de testes rápidos.

As internações na UTI do hospital municipal de Paulínia em razão do novo coronavírus subiram de duas na semana passada, dia 17, para oito nesta quinta-feira. Nas últimas 24 horas, mais dois pacientes passaram a ocupar leitos de terapia intensiva na rede pública de Saúde da cidade. A Prefeitura garante que possui 14 vagas de UTI no Antônio Orlando Navarro – outras quatro delas  estavam com doentes decorrentes de complicações diversas.

Os internados em razão da Covid-19 no hospital municipal estavam nesta quinta-feira:

  • oito na UTI – apesar de ter recebido 10 respiradores no último dia 15 de junho do governo do estado, o município não anunciou o aumento de leitos de UTI na rede; já o processo seletivo do final de abril feito pela Prefeitura e que permitiria a contratação de funcionários para ampliação das 14 vagas de terapia intensiva instaladas no hospital municipal foi cancelado pelo governo municipal (um novo processo foi aberto no último dia 7 de julho e o reforço profissional está sendo contratado);
  • um na Unidade Respiratória, que possui sete leitos; e
  • cinco na Enfermaria Respiratória, que conta com oito leitos, mas que, segundo a Prefeitura, podem ser ampliados sempre que necessário.
Clique aqui para ver mais noticias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.