Ir para conteúdo

[Covid-19]
Paulínia registra mais 13 moradores contaminados pelo novo coronavírus

Estado de SP deve receber no mês que vem 5 milhões de doses da vacina CoronaVac, que é desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac Biotech

21 set 2020 – 13h45
De acordo com o governo estadual, a previsão é de que haja 46 milhões de doses até dezembro (Foto: Divulgação)

APrefeitura de Paulínia registrou mais 13 moradores contaminados pela Covid-19 nesta segunda-feira (21). O total de infectados é de 3.377 desde o início da pandemia. O Ministério da Saúde contabiliza 4.909 (mais nove em relação a sua atualização anterior). O município soma 78 óbitos. Os recuperados aumentaram de 3.140 para 3.149.

Até as 9h30 desta segunda-feira, de acordo com o boletim epidemiológico diário da Prefeitura, 17 pessoas estavam internadas em decorrência da Covid-19 no Hospital Municipal de Paulínia “Vereador Antônio Orlando Navarro” – cinco desses pacientes na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A Prefeitura garante que possui 14 vagas de UTI no hospital municipal. Cinco delas também eram ocupadas por doentes com outras complicações.

O estado de São Paulo deve receber, já em outubro, 5 milhões de doses da vacina CoronaVac, que está sendo desenvolvida pelo Instituto Butantan, em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac Biotech. O anúncio foi feito pelo governador do estado, João Doria, via Facebook, no domingo (20).

Segundo Doria, a previsão é de que haja 46 milhões de doses até dezembro. Conforme explica na postagem, a ampliação de vacinas será possível em virtude da transferência de tecnologia da farmacêutica para o instituto, que passará a produzir o imunizante.

No último dia 14, o governo estadual informou que o instituto irá iniciar, em novembro, obras para ampliar sua estrutura física, a fim de acelerar a produção de vacinas. A expectativa do governo paulista é que a reforma seja finalizada ainda neste mês.

A CoronaVac já está na fase 3 de testes em humanos. Os testes, de responsabilidade do Instituto Butantan, começaram a ser feitos no Brasil em julho e serão aplicados em 9 mil voluntários. A testagem foi organizada a partir de 12 centros de pesquisas, localizados em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.