Ir para conteúdo

[Confusão]
Briga de casal termina com um preso e outro ferido no Alto de Pinheiros

Eletricista de 24 anos mantinha uma faca no pescoço da vítima quando a Guarda Municipal de Paulínia chegou, no final da noite desta terça-feira

12 ago 2020 – 15h40
Viatura da Romu estacionada durante patrulhamento por bairros da cidade de Paulínia (Foto: Divulgação)

Uma briga de casal no final da noite desta terça-feira (11) acabou com um rapaz preso e outro ferido, no bairro Alto de Pinheiros, em Paulínia. A confusão teria começado por causa do fim de um relacionamento amoroso.

Conforme a Guarda Municipal de Paulínia, o lavador de 33 anos sofreu cortes em uma das mãos ao tentar defender uma cuidadora de 38 anos de seu ex, um eletricista de 24 anos. O caso aconteceu por volta das 23h, na Rua Sylvio Viamonte.

Quando a equipe da Romu (Rondas Ostensivas Municipais) chegou, o eletricista mantinha uma faca no pescoço da mulher. “O mesmo tentava esfaqueá-la, mas foi contido pela guarnição”, informou a Guarda Municipal.

A mulher não se feriu. Mas, segundo a Romu, o lavador saiu machucado ao defendê-la antes da chegada das viaturas. O lavador foi levado ao Hospital Municipal “Vereador Antônio Orlando Navarro”, medicado e liberado em seguida.

O eletricista foi conduzido ao plantão policial, preso em flagrante por homicídio tentado e permaneceu à disposição da Justiça, de acordo com informações da Guarda Municipal.

Reunião
A Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania promoveu na segunda-feira (10), uma reunião com o objetivo de fortalecer a rede intersetorial que promove o fluxo de atendimento e protocolos a mulheres vítimas de violência.
De acordo com a secretária de Assistência Social e Cidadania, Rita Coelho, o atendimento as mulheres vítimas de violência merece uma atenção especial de toda a rede. “Precisamos promover ações que efetive o fluxo de atendimento, garantido de forma eficaz o acolhimento e acompanhamento dessas mulheres”, afirmou.
Saúde
O encontro também contou com a participação de representantes do Hospital Municipal de Paulínia “Vereador Antônio Orlando Navarro”, Saúde Mental, Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), Ambulatório de Apoio (ADA) e Conselho Tutelar.
De acordo com a Prefeitura, no próximo encontro, haverá uma articulação entre profissionais da rede de proteção básica da Assistência Social e da Saúde, com a participação da ginecologista Fabrícia Silva Campos, do ADA.
Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.