Ir para conteúdo

[Paulínia]
FGV divulga resultado final de seleção para contratação de profissionais de saúde

Edital de homologação de processo seletivo simplificado emergencial foi publicado no Semanário Oficial com a convocação de 83 classificados

29 jul 2020 – 21h30
Contratações temporárias irão permitir a ampliação de leitos de UTI na rede municipal (Foto: Agência Brasil)

AFundação Getúlio Vargas (FGV) divulgou no início da noite desta quarta-feira (29) o resultado final do processo seletivo simplificado emergencial realizado pela Prefeitura de Paulínia para a contratação de 85 profissionais de saúde para nove cargos da linha de frente do combate ao novo coronavírus. A homologação do certame e a convocação de 83 aprovados foram publicadas em edição extra desta noite do Semanário Oficial do município.

A previsão da Prefeitura é concretizar as contratações no início deste próximo mês. Os 83 convocados têm cinco dias para apresentar as documentações necessárias no Paço Municipal de Paulínia “Palácio Cidade Feliz” e realizar exame admissional. Todas as orientações estão no Semanário Oficial. Os contratados – pelo período mínimo três meses, podendo ser prorrogado por mais três –, irão integrar o quadro de funcionários do Hospital Municipal de Paulínia “Vereador Antônio Orlando Navarro”.

A Prefeitura convocou:

– um analista clínico;

– 14 + 1 PCD enfermeiros;

– um farmacêutico;

– um fisioterapeuta;

– 10 + 1 PCD médicos plantonistas (clínico geral);

– cinco médicos plantonistas intensivistas;

– 45 + 2 PCDs técnicos de enfermagem;

– um técnico de análise clínica; e

– um motorista.

Com os novos funcionários temporários, a Prefeitura pretende repor os servidores municipais afastados em razão da pandemia da Covid-19 e ainda montar novas equipes especializadas para aumentar para 22 o número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva e para 30 a quantidade de vagas da Unidade Respiratória destinadas a pacientes em decorrência do novo coronavírus no hospital municipal de Paulínia.

Atualmente, de acordo com servidores da linha de frente do combate à pandemia, a unidade hospitalar da rede municipal de Saúde tem 14 leitos instalados de UTI, mas oito que podem receber doentes de quaisquer complicações devido ao número reduzido de funcionários. A Prefeitura garante que são 10.

Esta é a segunda vez que a Prefeitura tenta contratar profissionais de saúde para reforçar a linha de frente do combate à Covid-19 na cidade. No final de abril, fez um processo também emergencial para selecionar 407 profissionais de saúde para o hospital municipal, hospital de campanha e posto avançado Covid-19 anexo à Unidade Básica de Saúde (UBS) São José, na região do João Aranha (esses dois últimos não saíram do papel), mas acabou cancelando tudo por irregularidades ainda não explicadas pelo governo municipal.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.