Ir para conteúdo

[Ensino]
Paulínia pode ter regras próprias para retomada das aulas presenciais

Prefeitura criou comitê de planejamento para estabelecer diretrizes e elaborar protocolo para retorno das atividades dos alunos nas escolas municipais

21 jul 2020 – 11h38
Escola Municipal Parque dos Servidores: rede municipal tem cerca de 20 mil alunos (Foto: Divulgação)

APrefeitura de Paulínia criou o Comitê de Planejamento para Volta às Aulas Presenciais e poderá ter suas próprias regras para o retorno das atividades dos alunos nas escolas municipais. “O objetivo é estabelecer as diretrizes e elaborar um protocolo para o retorno das atividades, ainda sem data para acontecer”, informou o governo municipal. “A Prefeitura de Paulínia ainda não definiu se seguirá a orientação do Estado.”

O governador João Doria (PSDB) já anunciou no final de junho que a retomada de aulas presenciais em todos os níveis de ensino das redes pública e particular está prevista para o dia 8 de setembro em todo o estado de São Paulo. Na primeira de três etapas, as salas terão ocupação máxima de 35%, com revezamento de estudantes durante a semana e sob protocolos de segurança definidos no Plano São Paulo de indicadores de saúde.

A retomada das aulas presenciais, de acordo com o governo estadual, só vai acontecer se todas as regiões do estado permanecerem na etapa amarela – a terceira menos restritiva segundo critérios de capacidade hospitalar e progressão da pandemia – por 28 dias consecutivos.

Paulínia está na fase 1 (vermelha) do Plano São Paulo – a mais restritiva, que permite a abertura apenas de serviços e comércios essenciais, embora o decreto do prefeito inclua, contrariando determinação do estado, a abertura de atividades da etapa seguinte – laranja (concessionárias, revendas de carros, escritórios) e outras nem previstas no Plano São Paulo, como pesqueiros.

“Estamos tomando todas as precauções para que o retorno das aulas presenciais, quando ocorrer, ocorra de maneira segura, tanto para os alunos, como para os profissionais que atuam nas unidades escolares”, afirmou a secretária de Educação de Paulínia, Meire Muller. A rede municipal de ensino tem cerca de 20 mil alunos (18 mil em escolas municipais e 2 mil nas conveniadas). As aulas presenciais estão suspensas desde o último dia 19 de março por causa da pandemia da Covid-19, doença respiratória causada pelo novo coronavírus.

A Administração municipal admitiu que o “governo do estado de São Paulo estabeleceu o retorno à volta as aulas presenciais para o dia 8 de setembro. Porém, a Prefeitura de Paulínia ainda não definiu se seguirá a orientação do estado”. “A autoridade municipal de Saúde e sua equipe técnica irão realizar estudos constantes. Quando a estratégia estiver traçada, faremos o anúncio para toda cidade, pensando sempre no bem-estar das pessoas”, disse  secretária Meire Muller.

A criação de um comitê para planejar a volta às aulas em Paulínia foi um pedido do Conselho Municipal de Educação. É composto por representantes das secretarias municipais de Educação, Saúde, Obras e Serviços Públicos, Assistência Social e Cidadania, Recursos Humanos, Administração e Transportes, conselheiros municipais de Educação e Alimentação, além de pais, alunos e servidores da área.

“A Secretaria Municipal de Educação já está trabalhando para comprar e fornecer aos alunos máscaras e álcool em gel, que serão distribuídos em todas as unidades. Além disso, EPIs (Equipamentos de Segurança), como o faceshield, serão garantidos aos funcionários das escolas”, adiantou a Prefeitura.

Internet

A Prefeitura de Paulínia retoma a partir desta terça-feira (21), as aulas de jazz, hip hop, flauta e instrumento e sopro pela internet. Serão realizadas às terças e quintas-feiras, com atividades online. As de balé voltarão assim que as férias da professora Karina se encerrarem. A data não foi informada.

A Secretaria Municipal de Cultura ressaltou que os alunos que não conseguirem realizar as aulas online, não perderão a vaga. Todos os alunos serão informados sobre o retorno e procedimento das aulas via grupo de WhatsApp. Mais informações podem ser obtidas por meio do telefone (19) 3874 5700.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.