Ir para conteúdo

[Avanço]
Paulínia confirma a décima terceira morte pela Covid-19; são 826 casos

Trata-se de um homem de 82 anos, que tinha doenças anteriores e morreu no hospital municipal no último dia 30, de acordo com a Prefeitura

2 jul 2020 -13h48
Paulínia possui 649 casos suspeitos do novo coronavírus que aguardam resultados de exames (Foto: Divulgação)

OComitê de Prevenção e Enfrentamento ao Coronavírus divulgou nesta quinta-feira (2) mais uma morte pela Covid-19 em Paulínia, a 13ª desde o início da pandemia. Os casos confirmados do novo coronavírus na cidade também cresceram nas últimas 24 horas na cidade: de 772 para 826 (+54). Os curados já são 490 (+33). A ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UIT) na rede municipal voltou a ser de 100%.

A mais recente vítima fatal da Covid-19 é um homem 82 anos, que tinha diabetes e hipertensão. Ele teve início de sintomas respiratórios no último dia 25. Foi internado no Hospital Municipal de Paulínia “Vereador Antônio Orlando Navarro” no dia 28, sendo realizado diagnóstico laboratorial pelo exame de PCR (swab) para Covid-19, com resultado positivo. Morreu dois dias depois, na última terça-feira (30).

A Prefeitura informou que parentes e familiares do homem que morreu se apresentam assintomáticos para a Covid-19 e realizarão exame em unidade básica de saúde (UBS). “A Administração municipal envia suas condolências para todos os seus familiares e amigos”, ressaltou. “É essencial que todos sigam as orientações do Comitê de Prevenção e Enfrentamento do Coronavírus e o isolamento domiciliar, saindo somente para necessidades extremas, nunca deixando de usar máscara e higienizando as mãos sempre que possível.”

Conforme o boletim epidemiológico da Prefeitura, até as 9h30 desta quinta-feira, as internações em razão da Covid-19 diminuíram de 22 para 19 no hospital municipal de Paulínia, entretanto a taxa de ocupação de leitos de UTI subiu de 87% (7) para 100% (8) – são 14 instalados na rede municipal, mas oito que podem receber doentes de quaisquer complicações devido ao número reduzido de funcionários, conforme servidores que atuam na linha de frente ao combate à pandemia e conselheiros da saúde.

Os pacientes positivos e negativos para o novo coronavírus do hospital municipal estavam:

  • oito na UTI – 100% – apesar de ter recebido 10 respiradores no último dia 15 do governo do estado, o município não anunciou o aumento de leitos de UTI na rede; já o processo seletivo do final de abril feito pela Prefeitura e que permitiria a contratação de funcionários para o uso imediato dos 14 leitos de UTI instalados no hospital municipal foi cancelado pelo governo municipal;
  • 10 na Enfermaria Respiratória, que conta com oito leitos, mas que, segundo a Prefeitura, podem ser ampliados sempre que necessário; e
  • um na Pediatria.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.