Ir para conteúdo

[Paulínia]
Internações e casos do novo coronavírus seguem em crescimento

Comitê de enfrentamento confirmou mais dois moradores infectados nesta quinta-feira: são 78; total de leitos ocupados subiu de oito para 10

21 mai 2020 – 13h19
Profissional de saúde mostra teste rápido para a detecção do novo coronavírus (Foto: Agência Brasil)

Ocontágio e as internações decorrentes da Covid-19 seguem em crescimento em Paulínia. No início da tarde desta quinta-feira (21), o Comitê de Prevenção e Enfrentamento ao Coronavírus informou que mais dois moradores testaram positivos para a doença: são 78 no total. Já o número de leitos ocupados por pacientes confirmados ou suspeitos subiu de oito para 10 no Hospital Municipal “Vereador Antônio Orlando Navarro” nas últimas 24 horas.

Do último domingo (17) para esta quinta-feira, ocorreram mais 12 contaminações de moradores pelo novo coronavírus (eram 66, são 78) e outras três internações no hospital municipal de Paulínia (passaram de sete para 10). No período, o total de curados cresceu de 35 para 45. Desde o início da pandemia, há uma morte em decorrência da Covid-19 confirmada na cidade e uma segunda em investigação. Oito óbitos suspeitos foram descartados.

Até as 9h30 desta quinta-feira, das 78 pessoas que testaram positivas para a Covid-19 em Paulínia, 32 estavam com a doença ativa na cidade – já que 45 se curaram e uma morreu. Dessas que seguem em acompanhamento, 29 cumpriam isolamento domiciliar e três seguiam internadas. As demais sete ocupações hospitalares se referem a casos suspeitos.

Segundo o Comitê de Prevenção e Enfrentamento ao Coronavírus, os três pacientes com a Covid-19 internados no hospital municipal de Paulínia estavam na Enfermaria Respiratória (2) e na Unidade Respiratória (1). Os que ainda aguardavam exames permaneciam na Unidade de Terapia Intensiva (1), na Enfermaria Respiratória (4) e na Unidade Respiratória (2). A Prefeitura não informou a taxa de ocupação dos leitos destinados à doença na cidade.

Paulínia vem batendo recordes negativos nesta semana e registrando os piores índices seguidos de isolamento social desde o início da quarentena. Na última segunda (18), foi de 45%. Baixou para 44% na terça (19). E atingiu 43% nesta quarta-feira (20) – 27 pontos percentuais abaixo do ideal (70%) e 12 do satisfatório (55%), de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, para conter o avanço do novo coronavírus e evitar o colapso na rede de saúde pública e privada.

O índice de isolamento social em Paulínia também começou a cair aos finais de semana. No último, também ficou abaixo de 50%, no domingo passado (17), quando a Guarda Municipal teve de ser acionada para acabar com um evento que aglomerava pessoas em frente ao Theatro Municipal “Paulo Gracindo”, contrariando os decretos municipais e estaduais que decretaram a quarentena (em vigou nos 645 municípios paulistas até o próximo dia 31).

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.