Anúncios
Ir para conteúdo

[Trânsito]
Demolição do viaduto dos Amarais é concluído e tráfego liberado na D. Pedro

Anúncio

Destruição do dispositivo gerou aproximadamente 4,5 mil toneladas de ferro e concreto; o material foi enviado para uma usina de reciclagem

26 abr 2020 – 20h21
Operação para a demolição do viaduto teve início às 15h de sábado e a D. Pedro foi fechada (Foto: Divulgação)

AConcessionária Rota das Bandeiras concluiu na tarde deste domingo (26) a demolição do antigo viaduto dos Amarais, no Km 143 da Rodovia D. Pedro I (SP-065). A via ficou interditada desde o sábado à tarde, para que as máquinas fizessem a destruição do dispositivo, que gerou 4,5 mil toneladas de ferro e concreto. O material foi enviado para uma usina de reciclagem. Para fazer o transporte, foram necessárias 130 viagens de caminhões.

Com a liberação da rodovia na tarde deste domingo, o tráfego pelo novo viaduto, que conecta os bairros Jardim São Marcos e Santa Mônica, também foi restabelecido. Os motoristas que deixam o São Marcos, contudo, precisam ficar atentos. O acesso à pista sentido Anhanguera da Rodovia D. Pedro I passará a ser feito somente pela nova alça, que fica 500 metros antes do antigo acesso, que será definitivamente fechado nesta segunda-feira, às 10h.


A operação para a demolição do viaduto teve início às 15h de sábado, com o desvio do tráfego da rodovia para a Avenida Comendador Aladino Selmi. O comboio foi realizado pela concessionária e a Polícia Militar Rodoviária. A Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) e a Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp) também prestaram apoio em toda a operação. A maior lentidão registrada ocorreu na pista sentido Anhanguera, com três quilômetros, na tarde de sábado. Na pista em direção a Jacareí), o desvio registrou, no máximo, um quilômetros de lentidão, informou a Rota das Bandeiras.

“A execução de mais esta essa etapa da obra ocorreu dentro daquilo que planejamos, com total segurança e sem nenhum incidente. Após a demolição, foi feito um trabalho de restauração na via, com a limpeza e pintura, para que os motoristas voltassem a encontrar o mesmo padrão no pavimento de antes da demolição”, explica o Engenheiro responsável pela obra, Rodrigo Lemos.

Com a demolição do antigo dispositivo, a concessionária prossegue com a obra de remodelação do Trevo dos Amarais. Não está previsto, no entanto, novos bloqueios na rodovia nos próximos dias.

Marginais

Na região, a concessionária também atua na implantação de vias marginais, no trecho final até a Anhanguera. A D. Pedro I já conta com vias auxiliares, nos dois sentidos, entre os trevos da Leroy Merlin e Amarais, do Km 129 ao Km 143. A implantação das marginais e remodelação dos dispositivos na região conta com investimento total de R$ 183,3 milhões (base julho/2019), totalmente custeado pela concessionária por meio da cobrança de pedágios.

Os motoristas que desejarem mais informações sobre a obra podem entrar em contato com a Rota das Bandeiras por meio do telefone 0800-770-8070. A ligação é gratuita e o Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) funciona 24 horas.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia
Anúncios

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.