Ir para conteúdo

[Quarentena]
Isolamento social em Paulínia é de 50%, aponta Sistema de Monitoramento

Índice ideal de adesão é de 70%, de acordo com o centro estadual de contingência da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus

14 abr 2020 – 16h07
Vista aérea parcial de Paulínia; quarentena visa reduzir velocidade do avanço da Covid-19 (Foto: Divulgação)

OSistema de Monitoramento Inteligente (SIMI-SP) do governo de São Paulo mostra que o percentual de isolamento social em Paulínia foi de 50% nesta terça-feira (14). De acordo com o Coordenador do Centro de Contingência do novo coronavírus em São Paulo, o médico infectologista David Uip, a adesão ideal para controlar a disseminação da Covid-19 é de 70%.

O índice de adesão de Paulínia ao isolamento nesta terça-feira é o mesma verificado para o estado de São Paulo nesta terça-feira (50%). Se a taxa continuar baixa nos municípios paulista, de acordo com o centro estadual de contingência do novo coronavírus, o número de leitos disponíveis no sistema de saúde não será suficiente para atender a população.

Desde o início da quarentena em Paulínia, no último dia 24 de março, a menor taxa de adesão ao isolamento foi registrada no dia 9 passado, com índice de 47%. A maior ocorreu no dia 29 de março (63%). O período de distanciamento social está previsto para terminar no próximo dia 22 de abril, caso não seja prorrogado. Estão autorizados a funcionar somente serviços considerados essenciais à população em todas as 645 cidades paulistas.

A central de inteligência analisa os dados de telefonia móvel para indicar tendências de deslocamento e apontar a eficácia das medidas de isolamento social. Com isso, é possível apontar em quais regiões a adesão à quarentena é maior e em quais as campanhas de conscientização precisam ser intensificadas, inclusive com apoio das prefeituras.

O SIMI-SP é viabilizado por meio de acordo com as operadoras de telefonia Vivo, Claro, Oi e TIM para que o Estado possa consultar informações agregadas sobre deslocamento nos 645 municípios paulistas. As informações, conforme o governo estadual, são aglutinadas sem desrespeitar a privacidade de cada usuário. Os dados de georreferenciamento servem para aprimorar as medidas de isolamento social para enfrentamento ao coronavírus.

No momento, há acesso a dados referentes a 105 cidades com população igual ou superior a 70 mil habitantes. Os dados de Paulínia começaram a ser divulgados nesta terça-feira. O sistema é atualizado diariamente para incluir informações de municípios.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia
Advertisement

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.