Anúncios
Ir para conteúdo

[Influenza]
Campanha contra a gripe volta a ser suspensa em Paulínia por falta de vacinas

Prefeitura informou a população da suspensão da imunização no final da noite desta terça e avisou que pediu mais medicamento ao governo estadual

31 mar 2020 – 23h30
Homem recebe vacinação contra gripe em um dos cinco postos destinados a idosos (Foto: Divulgação)

APrefeitura de Paulínia informou às 22h30 desta terça-feira (31) que a vacinação contra a gripe está suspensa na cidade por falta de vacinas. A Secretaria Municipal de Saúde já teria solicitado mais doses do medicamento ao governo do estado de São Paulo. Nesta primeira fase da campanha nacional os alvos são idosos e profissionais da área da Saúde.

De acordo com comunicado da Prefeitura, todas as 6.830 doses da vacina contra a gripe destinadas pelo governo estadual a Paulínia foram aplicadas em idosos com 65 anos ou mais e em profissionais da área da Saúde até esta terça-feira (31). Segundo a Prefeitura, 71% dos idosos do município já estariam imunizados contra a Influenza, restando ainda 2.790 do total 9.620 pessoas desse público-alvo.

“Idosos residentes no Centro de Geriatria (o Lar dos Velhinhos) também já foram vacinados e desde sexta-feira, 27, o serviço ‘Saúde em Casa’ está vacinando nas residências aqueles que são atendidos pelo programa”, garantiu a Prefeitura. “Por ora a campanha está suspensa, mas a Administração destaca que até o dia 22 de maio todos que precisam serão vacinados.”

A Secretaria Municipal de Saúde informou que já solicitou ao governo de São Paulo o envio de mais doses da vacina contra a gripe para que atinja 100% da meta de vacinação.

Em meio à pandemia do novo coronavírus, causador da doença Covid-19, o Ministério da Saúde antecipou a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, que normalmente ocorre no mês de abril, como estratégia para diminuir a quantidade de pessoas com gripe. A vacina não imuniza contra a Covid-19, mas reduz o número de pessoas com sintomas respiratórios nos próximos meses.

A procura acima do normal do público-alvo pela vacina contra a gripe, em função justamente do novo coronavírus, causou a falta das doses em diversos municípios paulistas. Além de Paulínia, que já havia enfrentado o problema no último dia 24, outras cidades da região experimentam a mesma dificuldade, como Sumaré, Nova Odessa, Indaiatuba e Holambra.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia
Anúncios

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.