Ir para conteúdo

[Paulínia]
Nove casos suspeitos do novo coronavírus são notificados em 24 horas

Até as 18h deste sábado, 37 pacientes aguardavam resultados de exames para confirmação ou descarte para a Covid-19; duas mortes são apuradas

28 mar 2020 – 19h41
Pacientes aguardam resultados dos exames enviados ao Instituto Adolfo Lutz, na Capital (Foto: Divulgação)

Onúmero de casos suspeitos de pessoas infectadas com o novo coronavírus em Paulínia subiu de 28 para 37, neste sábado (28). De acordo com o boletim epidemiológico da Prefeitura, que traz o resultado apurado até as 18h, em 24 horas a Secretaria Municipal de Saúde recebeu mais nove notificações da Covid-19 no município. Não há nenhuma morte confirmada na cidade.

Paulínia possui dois pacientes confirmados com o coronavírus e também investiga duas mortes suspeitas pela doença. Até as 18h deste sábado, 15 exames foram descartados para Covid-19 na cidade. A Secretaria Municipal de Saúde começou a divulgar os boletins epidemiológicos, no último dia 16, quando já partiu com seis casos investigados e quatro descartados.

Paulínia segue em quarentena até o dia 7 de abril. O decreto do prefeito Du Cazellato (PSDB) foi publicado na edição extra do último dia 23 do Semanário Oficial. Ficam fora do isolamento social de 15 dias as atividades consideradas essenciais como hospitais, farmácias, serviços de segurança, supermercados, postos de combustíveis, padarias, entre outros. Clique aqui para ver o que pode e não pode abrir.

A Guarda Municipal está nas ruas para fazer cumprir o decreto em vigor. A corporação recebe denúncias de festas e aglomerações de pessoas pelos telefones 153 e (19) 3874-3646. Já o Comitê de Prevenção e Enfrentamento ao Coronavírus mantém o número de WhatsApp (19) 99620-0202 para tirar dúvidas da população sobre o novo coronavírus. O serviço funciona 24 horas por dia, inclusive aos sábados e domingos.

Na Região Metropolitana de Campinas (RMC) caiu de 29 para 28 o total de pessoas confirmadas com o novo coronavírus em sete dos 20 municípios que compõem o bloco regional. Isso porque Hortolândia retificou seus números de dois para um paciente com exame positivo para a Covid-19. Campinas seguiu neste sábado com 19 confirmações da doença:

  • Paulínia – 2;
  • Hortolândia – 1;
  • Campinas – 19;
  • Valinhos – 3;
  • Holambra – 1
  • Jaguariúna – 1
  • Americana – 1

Mais duas cidades na RMC anunciaram que investigam mortes relacionadas ao novo coronavírus. Valinhos informou neste sábado que apura o que pode ser o primeiro óbito na cidade pela Covid-19. Trata-se de um homem de 63 anos com histórico de doença cardíaca, que estava internado na Santa Casa do município desde a última quinta-feira (26).

Sumaré investiga a morte de uma paciente de 41 anos que estava internada com suspeita de coronavírus no Hospital Estadual. Conforme a Prefeitura, a mulher tinha doenças patogênicas, que podem agravar a Covid-19. Com mais esses dois óbitos, a RMC apura nove mortes em sete de seus municípios:

  • Paulínia -2;
  • Valinhos – 1;
  • Sumaré – 1;
  • Indaiatuba – 2;
  • Americana – 1;
  • Nova Odessa – 1;
  • Pedreira – 1.

O Hospital de Clínicas (HC), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) apura uma morte suspeita que envolve uma moradora de Águas de Lindoia

São Paulo

O estado de São Paulo registrou o maior número de óbitos por coronavirus em apenas um dia. O montante de mortes relacionadas a Covid-19 cresceu 23,5% nas últimas 24 horas, conforme balanço da Secretaria de Estado da Saúde deste sábado (28).

Até o momento, são 84 óbitos, incluindo o primeiro em Sorocaba, no Interior, e a primeira morte em Embu das Artes, na Grande São Paulo, que concentra a maioria dos registros de Covid-19. Sexta-feira (27), eram 68, no total.

Expansão

Até o meio desta semana, apenas a Capital paulista registrava mortes relacionadas à Covid-19. Agora, os municípios de Vargem Grande Paulista, Guarulhos, Taboão da Serra, Embu das Artes, Sorocaba e Ribeirão Preto também contabilizaram pelo menos um óbito. O estado paulista também registra 1.406 casos confirmados da doença.

Entre os 16 novos óbitos contabilizados neste sábado, estão um homem de 92 anos, de Sorocaba; uma mulher de Embu das Artes (82) e outra de Guarulhos (89). Os outros 16 ocorreram na Capital, sendo sete mulheres (62, 71, 79, 77, 87, 87, 80) e seis homens (71,74, 77, 76, 76, 58), este último com comorbidades, grupo que configura maior vulnerabilidade à doença, assim como os idosos.

Brasil

O Ministro da Saúde, Henrique Mandetta, informou neste sábado (28) que o Brasil tem 3.904 casos e 114 mortes por Covid-19. A taxa de letalidade do novo coronavírus atingiu a marca de 2,8% no País. Esse balanço acrescentou 22 mortes e 487 casos confirmados ao total. No de sexta-feira (27), o Brasil tinha 92 mortes e 3.417 pacientes com exames positivos para doença.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.