Ir para conteúdo

[Asfalto]
Prefeitura prevê gastar R$ 8,7 milhões com operação de tapa buracos

Serviço será feito pela Pavinc Pavimentação, Infraestrutura e Construção Civil Ltda; empresa fornecerá materiais, mão de obra e equipamentos

17 jan 2020 – 11h55
Veículo desvia de buracos na Rua Nathan Guilherme Costa, no São José, em dezembro passado (Foto: Reprodução)

APrefeitura de Paulínia prevê gastar cerca de R$ 8,7 milhões do dinheiro dos contribuintes na operação de tapa buracos na cidade. A empresa que executará os trabalhos é a Pavinc Pavimentação, Infraestrutura e Construção Civil Ltda, de Osasco, da Grande São Paulo.

A empresa foi escolhida por meio de pregão eletrônico, na modalidade “registro de preços”. Desse modo, a Prefeitura solicita o serviço conforme sua necessidade. O resultado foi publicado na edição desta quinta-feira (16) do Semanário Oficial de Paulínia.

A Pavinc ficará responsável pela operação de tapa buracos em Paulínia, com o fornecimento de materiais, mão de obra e equipamentos. O serviço licitado envolve uma área de cerca de 40 mil metros quadrados de pavimento asfáltico de vias arteriais de Paulínia.

“Autorizo a despesa para a emissão de Ordem de Serviço à detentora da ata pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos”, determinou o prefeito Du Cazellato (PSDB). A data do início da operação de tapa buracos não foi informada pela Prefeitura.

Julho

A Prefeitura de Paulínia esclareceu que desde julho do ano passado estava sem uma empresa para realização da operação de tapa buracos e que dentro de 10 dias esse serviço deverá ser retomado. Segundo o governo municipal, Paulínia tem cerca de 9 mil buracos espalhados pela cidade.

No último dia 11 de dezembro, a moradora Sonia Silva reclamou dos buracos na cidade e divulgou nas redes sociais foto da situação de uma rua do bairro São José. “Olha como está a Rua Nathan Guilherme Costa, no São José”, destacou.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.