Ir para conteúdo

[Abra o olho]
Quem não fez biometria pode regularizar situação até dia 6 de maio

Atendimento deve ser agendado no site do TRE; em Paulínia, 16.424 (20,80%) eleitores ainda não atenderam convocação da Justiça Eleitoral

8 jan 2020 – 21h17
Quem cadastrar as digitais até dia 6 de maio poderá votar nas eleições deste ano (Foto: Agência Brasil)

OTribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) abriu prazo para os eleitores, que não fizeram a biometria dentro do prazo nas cidades em que há a obrigatoriedade, regularizarem sua situação junto à Justiça Eleitoral. Agora, quem cadastrar as digitais até o próximo dia 6 de maio poderá votar normalmente nas eleições municipais de outubro deste ano.

Em Paulínia, dos 78.963 eleitores que deveriam realizar a biometria dentro do prazo estipulado pela Justiça Eleitoral, encerrado no último dia 19 de dezembro, 62.539, ou 79,20%, atenderam ao chamado do TRE-SP. Do público-alvo na cidade, 16.424 (20,80%) não deram bola para a convocação.

O atendimento em Paulínia seguirá no posto do Cartório Eleitoral do Paulínia Shopping. Neste mês, das 12h às 17h. De acordo com a Justiça Eleitoral, o eleitor deve agendar horário no site do TRE-SP (https://apps.tre-sp.jus.br/AgendaBioOrdinario/publico/index.jsp). Os documentos necessários para o cadastramento biométrico podem ser conferidos no link http://www.tre-sp.jus.br/eleitor/agendamento-titulo-eleitoral-3.

Quem perder esse novo prazo não poderá votar nas eleições deste ano e terá uma nova oportunidade de regularização do título somente a partir do dia 3 de novembro. No último dia do prazo dado pelo TRE-SP, em 19 de dezembro do ano passado, o Paulínia Shopping registrou uma fila gigantesca e muitos eleitores não conseguiram atendimento no posto do Cartório Eleitoral da cidade.

O eleitor que está com o título cancelado não pode tirar RG; passaporte; se inscrever para disputar uma vaga em concurso público; tomar posse em concurso público; renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo; receber financiamento em banco público ou benefícios do governo; dentre outras restrições.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.