Anúncios
Ir para conteúdo

[Gestão]
Loira disponibiliza servidores da Saúde para Prefeitura de Mauá

Às vésperas do fim de seu governo, prefeito interino sancionou programa de demissão voluntária, aprovou dois loteamentos e revogou outro

4 out 2019 – 11h23
Loira mostra caneta no dia que assumiu interinamente a Prefeitura de Paulínia (Foto: Divulgação)

Oex-secretário municipal de Saúde Luís Carlos Casarin, de Jundiaí, trocou Paulínia por Mauá, cidade da Região Metropolitana de São Paulo, no Grande ABC. Mas o abandono de uma das áreas mais críticas do município, às vésperas do fim da gestão transitória de Loira (DC), não causou rusgas no governo interino.

Pelo menos é o que demonstra a edição desta quinta-feira (3) do Semanário Oficial de Paulínia. Loira colocou três servidoras lotadas na Secretaria Municipal de Saúde de Paulínia à disposição da Prefeitura de Mauá: duas enfermeiras e uma agente de apoio administrativo.

De acordo com as portarias, as servidoras fizeram o pedido. Elas ficarão à disposição da Prefeitura de Mauá a partir do último dia 1º de outubro até o dia 31 de dezembro de 2020. Durante este período, os salários delas serão pagos pelo município do Grande ABC.

Até a publicação deste texto, o prefeito interino não havia respondido se nas funções dessas três servidoras há excesso de funcionários públicos a ponto de poder disponibilizá-las a outra Prefeitura sem causar ainda mais prejuízos à Secretaria Municipal de Saúde.

Às vésperas de deixar o cargo, Loira também sancionou a lei que cria o Programa de Desligamento Voluntário (PDV), aprovada em segunda discussão na sessão da última terça-feira (1º) da Câmara Municipal; aprovou dois loteamentos na cidade; e revogou outro; na edição extraordinária do Semanário Oficial desta quarta-feira (2):

  • aprovou “…os projetos e memoriais dos planos de edificação do Condomínio Residencial Horizontal Multifamiliar de propriedade de Paulo Sbrocco e ou sucessores à ser edificado no lote nº 7A-1 do loteamento denominado Chácaras Nossa Senhora Auxiliadora, localizado no município e comarca de Paulínia-SP, objeto da matrícula nº 37.057 do 4º Oficial Registro de Imóveis de Campinas – SP, Quadra S/D, Quarteirão nº 222, no Bairro Morumbi…”;
  • aprovou “…Os projetos e memoriais dos planos de edificação do Condomínio Industrial de propriedade de JHA Participações e Investimentos Ltda e ou sucessores à ser edificado no lote nº 45 do loteamento denominado Centro Industrial de Paulínia, localizado no município e comarca de Paulínia-SP, objeto da matrícula nº 20.168 do 4º Oficial Registro de Imóveis de Campinas – SP, Quadra 3B, Quarteirão nº 2009 no Bairro da Cascata, com área total de terreno de 50.607,13 m², situado na Av. Paris n° 1930, tudo em conformidade com as plantas e memoriais constantes do protocolado nº 3895/2018; e com área total de terreno de 3.248,28m², situado na Av. Dr. Alexandre Martins Laroca n° 887, tudo em conformidade com as plantas e memoriais constantes do protocolado nº 11.849/2018…”; e
  • revogou “…os Decretos Municipais de números 6557/2013, nº 6638/2014, nº 6684/2014, nº 6873/2015 e nº 6961/2016, que provaram e revalidaram os planos e projetos de Arruamento e Loteamento denominado “Centro Logístico Integrado Paulínia Dois”, objeto da Matrícula nº 13.087 do 4º Oficial de Registro de Imóveis de Campinas de propriedade de “MGB Desenvolvimento Imobiliário Ltda e ou sucessores…” A revogação teria ocorrido a pedido do proprietário.
Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia
Anúncios

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.