Ir para conteúdo

[Cultura]
Quinteto de cordas se apresenta gratuitamente no Theatro Municipal

Ingressos para acompanhar ‘Concertos Petrobras EPTV’ em Paulínia estarão disponíveis na portaria do ‘Paulo Gracindo’ a partir das 15h

9 jul 2019 – 13h10
Theatro Municipal ‘Paulo Gracindo’ fica no Parque Brasil 500, em frente ao Paço de Paulínia (Foto: Divulgação)

Oquinteto de cordas do “Concertos Petrobras EPTV” volta ao Theatro Municipal de Paulínia “Paulo Gracindo” a partir das 20h desta quarta-feira (10) em apresentação gratuita. No programa estão quintetos de cordas de Mozart e Brahms.

O quinteto de cordas é formado pelo trio Pablo de León, Horácio Schaefer e Roberto Ring e por dois músicos convidados: o violista José Batista Junior e a violinista Cristiane Cabral. Os ingressos estarão disponíveis na portaria do Theatro Municipal, no dia do evento, a partir das 15h.

O programa tem obras de destaque do repertório da música de câmara, escritas para a formação dois violinos, duas violas e violoncelo: o “Quinteto de cordas Nº 4 em sol menor, K. 516”, de Mozart, e o “Quinteto de cordas nº 2 em sol maior, op. 111”, de Brahms.

O núcleo musical do projeto “Concertos Petrobras EPTV” é o trio formado por Pablo de León (violino), Horácio Schaefer (viola) e Roberto Ring (violoncelo). Desde sua criação, em 2001, o grupo já realizou cerca de 700 concertos. Os três músicos pertencem à elite da música clássica brasileira.

Pablo de León é spalla da Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo. Horácio Schaefer é chefe do naipe das violas da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (Osesp). Roberto Ring integrou a Orquestra Sinfônica de Campinas, a Osesp, a Orquestra de Câmara Villa-Lobos e, nos últimos anos, tem intensa atividade como músico de câmara.

Israel

O violista convidado José Batista Junior é atualmente o principal viola da Israel Chamber Orchestra, sediada em Tel Aviv. Seu primeiro contato com uma orquestra ocorreu em uma igreja, quando tinha 12 anos de idade. Logo começou seus estudos de viola e ingressou na Escola Municipal de Música do Estado de São Paulo.

Estudou na Unesp, tendo aulas com Ricardo Kubala, e no Instituto Baccarelli tocou na Orquestra Sinfônica Heliópolis. Aos 20 anos foi aprovado com bolsa integral na Buchmann Mehta School of Music, em Israel, para fazer o bacharelado na classe de Miriam Hartman.

Berlin

Durante este período tocou na Orquestra Filarmônica de Israel sob regência de maestros como Zubin Mehta, Gustavo Dudamel, András Schiff e Christoph von Dohnanyi. Em 2014, foi aprovado na academia da Deutsches Symphonie-Orchester Berlin, tocando com esta renomada orquestra durante a temporada 2014-2015.

Já a violinista Cristiane Cabral é natural de Curitiba (PR). Iniciou seus estudos de música aos seis anos de idade em Joinville. Estudou violino na Escola de Música de Brasília e graduou-se pela Universidade de Brasília.

Turnês

Contemplada com uma bolsa de estudos para a Duquesne University em Pittsburgh, nos Estados Unidos, recebeu outra bolsa pela mesma instituição para um mestrado em performance. Retornado ao Brasil, tocou, como convidada, na Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro, na Filarmônica de Minas Gerais e na Orquestra do Theatro Municipal de São Paulo.

Cristiane Cabral foi professora de violino e viola na Universidade Federal de Uberlândia, na Fito (Osasco) e professora do Projeto Jovens Músicos de Piracicaba. Como camerista e recitalista tem participado de turnês pelo Brasil.

Prêmio

Recebeu o prêmio Funarte de concertos didáticos tocando uma série de quatorze recitais didáticos para violino e piano. Atualmente reside em Brasília (DF), onde é professora da Escola de Música de Brasília e doutoranda em práticas interpretativas da Unicamp.

O Theatro Municipal fica na Avenida Prefeito José Lozano Araújo, 1.551, no Parque Brasil 500. O telefone de lá é o (19) 3933-2140. O projeto tem patrocínio do Ministério da Cidadania e da Petrobras. A classificação do espetáculo é livre.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.