Ir para conteúdo

[Tráfico]
‘Pokemon’ é preso com 6 mil comprimidos de ecstasy

Prisão foi feita pelo Baep no Jardim São José, em Campinas; no apartamento também havia cocaína, maconha, crack e haxixe

28 mar 2019 – 14h30
Drogas apreendidas em uma mala no quarto do apartamento de ‘Pokemon’ (Foto: Polícia Militar/Baep)

Um homem conhecido como “Pokemon” foi preso com 6 mil comprimidos de ecstasy, 8,1kg de maconha, 1,8kg de cocaína, 1,7kg de crack e 22 gramas de haxixe, no Condomínio Residencial Raposo Tavares, no Jardim São José, em Campinas.

A prisão aconteceu no final da tarde desta terça-feira (28), após policiais do Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep) suspeitarem de um Ford/Ka entrar em alta velocidade no condomínio residencial. No veículo nada de ilícito foi encontrado pelos PMs.

Policial militar fica de olho em ‘Pokemon’ sentado dentro de viatura (Foto: Polícia Militar/Baep)

O homem do Ford/Ka alegou que era motorista de transporte de passageiros de aplicativo. E disse aos policiais que teria sido chamado por “Pokemon”. Neste momento, os policiais militares viram o acusado andando no condomínio e o abordaram.

“Após uma entrevista, nos informou que em sua residência guardava uma certa quantidade de drogas”, relatou o Baep. “Em busca domiciliar no interior de um quarto foi localizada uma mala com grande quantidade de vários tipos de drogas.”

As drogas e “Pokemon” foram encaminhados para a 2ª Delegacia Seccional de Campinas. O acusado acabou indiciado em inquérito policial por tráfico de drogas e permaneceu preso à disposição da Justiça. Todo o entorpecente ficou apreendido.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.