Anúncios
Ir para conteúdo

Número de estupros aumenta 12% em Paulínia

Segundo a Secretaria Estadual de Segurança Pública, cidade teve 29 ocorrências deste tipo no ano passado – 20 contra menores de idade

28 jan 2019 – 5h30
Três viaturas da Polícia Militar e da Guarda Civil na Delegacia de Paulínia (Foto: Divulgação)

O número de estupros em Paulínia cresceu 12% no ano passado em relação a 2017. Durante 2018, o município registrou 29 ocorrências deste tipo – a grande maioria contra vulneráveis, quando a vítima é menor de idade.

A informação é da Secretaria Estadual de Segurança Pública, que fechou os dados estatísticos referentes ao ano passado de todo o Estado. Em 2017, Paulínia já havia experimentado alta de 18% no total de estupros comparado a 2016.

Dos 29 estupros em 2018, 20 foram contra vulneráveis. Em 2017, segundo a Secretaria Estadual de Segurança Pública, aconteceram 26 ocorrências deste tipo na cidade: 19 de menores de idade. Em 2016, o total foi de 22 – sete contra vulneráveis.

Os dados divulgados pela Secretaria Estadual de Segurança Pública não apontam quais regiões de Paulínia acontecem mais este tipo de crime, o horário que os ataques têm maior frequência nem quantos dos criminosos foram presos pela polícia.

Já o total de furtos e roubos em Paulínia, que englobam ataques a residências, veículos, cargas e pessoas, dentre outros alvos, se manteve estável em 2018 ante 2017: média de 4,2 ocorrências por dia no ano passado e de 4,7, em 2017.

Furto é quando o bem acaba subtraído pelo ladrão longe dos olhos da vítima. No roubo, o bandido emprega uma ação violenta contra a vítima para tomar o bem dela, seja por meio de agressões ou de ameaças com armas ou mesmo verbais.

Em 2018, Paulínia registrou 1.550 furtos e roubos; em 2017, 1.734; e em 2016, 1,991 – 5,4 por dia. Se comparar 2018 com 2016, o número de furtos e roubos em Paulínia teve queda de 28,5%, de acordo com dados do governo do Estado.

As estatísticas da Secretaria Estadual de Segurança Pública são feitas com os boletins de ocorrências registrados nas delegacias. Servem para retratar a situação da segurança pública e permitir o planejamento de ações policiais e de investimentos no setor.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia
Anúncios

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.