Ir para conteúdo

Paulínia abre cadastro para bolsas de estudo 2019

Inscrições devem ser feitas a partir desta segunda-feira até o dia 7 de dezembro, no Paço Municipal

15 out 2018 – 12h21
Cadastro é obrigatório para quem quer concorrer a bolsas de estudo no próximo ano (Foto: Divulgação)

APrefeitura de Paulínia abriu nesta segunda-feira (15) cadastro para interessados em participar do Programa Bolsa Educação 2019. De acordo com a legislação vigente, o município pode conceder anualmente até 750 novas bolsas de estudo para cursos superior, tecnólogo e técnico.

nnO cadastramento no Programa de Ação Social (PAS) é obrigatório e primordial para quem quer concorrer a bolsas de estudo. Ele ocorre até o dia 7 de dezembro, na Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania, que fica no Paço Municipal (Avenida José Lozano de Araújo, 1.551 – Parque Brasil 500). O telefone é (19) 3874-5741.

nnO atendimento ao público é feito a partir das 8h, de segunda a sexta-feira. Por dia, a Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania distribui 20 senhas. Segundo a Prefeitura, quem já possui cadastro no PAS deve atualizá-lo, dentro do mesmo prazo para as novas inscrições.

nnApós esse cadastro, a Prefeitura abrirá em janeiro do próximo ano a inscrição por meio da internet para o Programa Bolsa Educação 2019. Os detalhes desse processo ainda serão divulgados pelo governo municipal.

Documentos necessários para o cadastro
  • Certidão de documentos de todas as pessoas solteiras que residem na casa.
  • Certidão de casamento (ou declaração de união estável assinada pelo casal, declaração de separação de corpos ou certidão de casamento averbada).
  • RG e CPF de todos os moradores da casa.
  • Comprovante de residencial atual (um deles, contrato de compra e venda ou escritura, contrato de locação, declaração de imóvel cedido, contas CPFL ou Sabesp, telefone, correspondências bancárias) dos pais ou próprio.
  • Carteira de trabalho (páginas de foto, qualificação civil, último registro e página seguinte) de todos os moradores da casa.
  • Declaração de trabalho informal, constando o valor recebido mensalmente e o tipo de trabalho.
  • Comprovante de seguro-desemprego e rescisão (saída recente).
  • Benefícios, pensões e aposentadorias do INSS (para beneficiários).
  • Últimos holerites de todos as pessoas da família que trabalham.
  • Imposto de renda da empresa e documentos emitidos pelo contador, constando o valor recebido mensalmente, em caso de possuir empresa.
Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.