Ir para conteúdo

Noite cultural

Theatro Municipal de Paulínia recebe a abertura de Semana da Cultura Negra nesta segunda-feira, a partir das 19h; a entrada é gratuita

 

20 nov 2017 – 5h30

Paulínia abre nesta segunda-feira (20), Dia da Consciência Negra, a Semana da Cultura Negra, a partir das 19h, no Theatro Municipal. Haverá apresentações culturais de Maculelê, Puxada de Rede do Xaréu e Bloco Afropira. A programação vai até sexta-feira, dia 24.

nnA entrada para a abertura da semana é gratuita, entretanto está sujeita à lotação do Theatro Municipal – cerca de 1,2 mil lugares. Segundo a Secretaria Municipal de Cultura, Mezanino e Balcão 2º e 3º Nível são permitidos apenas para maiores de 12 anos.

puxadaderede
APRESENTAÇÕES | Maculelê, Puxada de Rede do Xarêu e Bloco Afropira / Foto: Divulgação

nnNa terça-feira, dia 21, será inaugurada no Paulínia Shopping a exposição que retrata o negro na história do País – vidas, costumes e hábitos. A mostra tem quadros do artista plástico Elvis da Silva e acervo do Museu de Paulínia e funciona das 10h às 22h até o dia 24.

nnNa quarta-feira, dia 22, o destaque é o júri simulado sobre violência contra a mulher, às 20h, na Prefeitura de Paulínia. O evento é promovido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, com apoio de promotores da região e participação da Cia Teatral.

nnEm todos os dias da programação do evento haverá apresentações culturais (confira a agenda completa no quadro abaixo). A Semana da Cultura Negra tem o objetivo de difundir a cultura negra e minimizar o preconceito racial em Paulínia.

nnA semana é organizada pela Prefeitura, por meio das secretarias municipais de Cultura, Educação, Desenvolvimento Econômico, Turismo e do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher.

programação

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Categorias

Cultura

Tags

,

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.