Ir para conteúdo

Punição

Cetesb multa a Petrobras em R$ 1 milhão por causa da emissão de poluentes na atmosfera durante a pane ocorrida na Replan, na tarde do último dia 1º

 

7 nov 2017 – 20h14

A Agência Ambiental de Paulínia da Cetesb multou a Petrobras em R$ 1 milhão, nesta terça-feira, dia 7. O motivo foi a intensa emissão de poluentes na atmosfera pelas tochas de queimadores de gases e chaminés da Replan, durante a pane da tarde do último de 1º.

nnA liberação das 13h até as 23h30 de intensa fumaça preta e material particulado pelos queimadores e pelas chaminés da Replan aconteceu devido a uma parada brusca de operação das unidades da Replan. De acordo com o órgão ambiental, a emissão teve duração prolongada e também causou inconvenientes à população.

replan
POLUIÇÃO | Unidades da Replan lançam fumaça e material particulado no ar / Foto: Divulgação

nnA pane ocorreu devido ao rompimento de tubulação de ar comprimido, que provocou a interrupção imediata das linhas de produção e a consequente queima irregular de gases e a liberação no ar de poluentes formados por material particulado e fumaça preta pelas tochas de queimadores e chaminés.

nnA excessiva emissão de fumaça assustou moradores de Paulínia, que registraram a situação de diversas partes da cidade. Funcionários da Replan chegaram a ser levados para uma área de segurança. A situação foi controlada sem que ninguém se ferisse.

nnSegundo a Cetesb, a multa dada à Petrobras, entre outras razões, foi pelo fato de a intensa emissão de densa fumaça preta e material particulado, durante cerca de 10 horas, estar em desacordo com as exigências do processo de licenciamento ambiental da refinaria.

nnDe acordo com as informações recebidas pela Cetesb da Petrobras, a retomada de duas unidades da Replan ocorreu somente no último dia 6. Ainda conforme o cronograma entregue à companhia ambiental, a normalização completa deverá ocorrer até esta quarta-feira, dia 8.

nnConforme o Auto de Infração, a Petrobras deverá, de imediato adotar providências adequadas para impedir a emissão de poluentes na atmosfera durante a partida das unidades produtivas.

nnA Replan também deverá comunicar à Cetesb “quaisquer situações que provoquem ou possam provocar emissões de poluentes”, em condições que possam gerar riscos à saúde humana ou inconvenientes ao bem-estar público.

Revisões

nnA Cetesb ainda exigiu que a Petrobras revise os procedimentos operacionais da Replan, assim como o Plano de Ação de Emergência (PAE) e o Plano de Gerenciamento de Riscos (PGR), apontando as falhas que resultaram na parada abrupta da refinaria, culminando na intensa emissão de poluentes na atmosfera.

nnA Petrobras confirmou o recebimento do auto de infração emitido pela Cetesb. Informou ainda por meio de nota que “está normalizando o processo produtivo das suas unidades e algumas já retomaram a produção”. Ressaltou também que “não há risco de desabastecimento do mercado.”

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Categorias

Cidades

Tags

,

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.

Um comentário em “Punição Deixe um comentário

  1. Pingback: Partida da unidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.