Ir para conteúdo

Bolsa de estudos

Cadastro municipal para quem quer participar do ‘Programa Bolsa Educação 2018’, em Paulínia, recebe inscrição nesta segunda-feira até 9 de dezembro

 

16 out 2017 – 5h30

A Prefeitura de Paulínia abre nesta segunda-feira, dia 16, o cadastro municipal para interessados em participar do “Programa Bolsa Educação 2018”. A inscrição pode ser feita até o dia 9 de dezembro.

nnPara o cadastro municipal são necessários cópias e originais de documentos, como RG, CPF, dentre outros (veja a lista completa abaixo).  Após isso, a Prefeitura abrirá inscrições, em janeiro de 2018, para o “Programa Bolsa de Estudos”.

estudantes
ATENÇÃO | Cadastro é obrigatório para em janeiro pedir a bolsa de estudos / Foto: Divulgação

nnPara os estudantes que pretendem pedir o benefício “Programa Bolsa de Estudos”, o cadastro municipal é obrigatório. A Prefeitura destaca que ele é requisito primordial para a inscrição em janeiro de 2018.

nnO cadastro municipal deve ser feito na Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania (Semasc), no Paço Municipal (Avenida Prefeito José Lozano Araújo, 1.551, no Parque Brasil 500), a partir das 8h. Serão distribuídas 20 senhas por dia.

nnOs candidatos a bolsa de estudos devem atender requisitos socioeconômicos, como renda familiar inferior a 10 salários mínimos e residência comprovada em Paulínia há pelo menos 10 anos ininterruptos ou mais. Mais informações podem ser obtidas por meio do telefone (19) 3874-5741.

O que é preciso

==> Documentos para o cadastro na Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania (cópias e originais)

  • Certidão de nascimento de todas as pessoas solteiras que residem na casa
  • Certidão de casamento (ou declaração de união estável assinada pelo casal, declaração de separação de corpos ou certidão de casamento averbada)
  • RG e CPF de todos os moradores da casa
  • Comprovante de residência atual (um deles: contrato de compra e venda ou escritura, contrato de locação, declaração de imóvel cedido, contas da CPFL ou Sabesp, telefone, correspondência bancária) dos pais ou próprio
  • Carteira de trabalho (páginas da foto, qualificação civil, último registro e página seguinte) de todos os moradores da casa
  • Declaração de trabalho informal, contanto o valor recebido mensalmente e o tipo de trabalho
  • Comprovante de seguro-desemprego e rescisão (saída recente)
  • Benefícios, pensões e aposentadorias do INSS (para beneficiários)
  • Últimos holerites de todas as pessoas da família que trabalham
  • Imposto de renda da empresa e documentos emitidos pelo contador, constando o valor recebido mensalmente, em caso de possuir empresa

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Categorias

Cidades

Tags

,

Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.