Ir para conteúdo

Pagou o pato

Vídeo mostra motorista surtado, dando pauladas em radar instalado no canteiro central de rodovia; empresa registrou Boletim de Ocorrência

 

30 set 2017 – 17h30

O vídeo de um motorista surtado com um radar na estrada corre as redes sociais desde o meio desta semana. A atitude do homem dividiu a opinião da galera e foi parar também na Delegacia de Polícia.

nnA gravação mostra que o motorista parou uma caminhoneta branca no acostamento, atravessou a pista e com um pedaço de pau bateu no equipamento que estava no canteiro central da rodovia.

nnA ira do homem foi filmada por equipe da Rota das Bandeiras, concessionária que cuida do Corredor Dom Pedro, o que inclui a Rodovia Professor Zeferino Vaz (SP-332), que corta Paulínia.

nnApós bater no equipamento de fiscalização de velocidade, o motorista atravessou  novamente a pista, entrou na picape e foi embora, enquanto os trabalhadores se apressavam para anotar as placas.

nnA Rota das Bandeiras informou que o caso de vandalismo aconteceu nesta quarta-feira, dia 27, na Rodovia D. Pedro I (SP-065), em Nazaré Paulista, na altura do Km 47, na pista sentido Jacareí.

B.O.

nn“Vale destacar que o aparelho danificado, de aferição de velocidade (popularmente chamado de radar móvel), era operado por uma empresa terceirizada, a serviço da Rota das Bandeiras”, completou.

nnSegundo a Rota das Bandeiras, a empresa do radar identificou a placa do veículo do agressor e registrou um Boletim de Ocorrência por dano ao patrimônio na Delegacia de Polícia de Nazaré Paulista.

nnA concessionária revelou que desde quando assumiu a administração do Corredor Dom Pedro, em abril de 2009, essa foi a primeira vez que verificou um ato como esse de vandalismo.

Clique aqui para ver mais notícias de Paulínia

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.