Anúncios
Ir para conteúdo

Morte na pista

Empresário de 30 anos morre em acidente na Rodovia José Lozano Araújo, no início da noite deste sábado; motorista de carro foi presa acusada de dirigir bêbada

 

nnUma batida entre um carro e uma moto matou um empresário de 30 anos na Rodovia José Lozano Araújo, que liga Paulínia a Sumaré, no início da noite deste sábado, dia 22. A motorista Adriana Conceição Laureano, 42 anos, que dirigia o carro nada sofreu e foi presa por ter consumido bebida alcoólica e pegado ao volante.

nnO acidente aconteceu por volta das 18h30 no Km 1,5 da rodovia, perto do campo de provas da empresa Pirelli, já em Sumaré. Segundo testemunhas, a mulher, moradora no Parque Dom Pedro II, em Campinas, teria causado a batida ao tentar fazer a conversão proibida com seu Toyota/Etios para a pista sentido Sumaré.

acidente
RISCO NO ASFALTO | Rodovia José Lozano Araújo, no trecho perto da Pirelli / Foto: Reprodução

nnA manobra de Adriana acertou em cheio a moto Honda CB-300 pilotada por Ericson Rafael Belini, que morava no Jardim Adelaide, em Hortolândia. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas o empresário morreu no local.

nnDe acordo com a polícia, Adriana fez o teste do bafômetro e ficou constatado 0,52mg de álcool por litro de ar expelido e que dirigia sob influência do álcool. A motorista teria bebido em Sumaré e voltava para casa em Campinas, quando errou dois acessos para Rodovia Anhanguera e provocou o acidente na Lozano Araújo.

Ericson
ADEUS | O empresário Ericson Rafael Belini / Foto: Reprodução

nnO caso foi registrado na Delegacia de Sumaré. O delegado Marco Antonio Braga Rodrigues determinou a prisão em flagrante por homicídio culposo (sem intenção) e embriaguez ao volante e fixou fiança de R$10 mil. Como não houve o pagamento, Adriana foi encaminhada para a cadeia feminina de Monte Mor.

nnO corpo de Ericson Belini, que era diretor da Sigma Imobiliária, em Hortolândia, seria velado e enterrado em Paulínia. O velório, conforme nota da empresa, aconteceria neste domingo no Cemitério Municipal de Paulínia a partir das 13h.

 

Última alteração em 23 de julho de 2017 às 14h30

Categorias

Cidades

Tags

,

Anúncios

Paulínia 24 Horas Notícia Ver tudo

Site de notícias criado para divulgar fatos jornalísticos da cidade de Paulínia.

4 comentários em “Morte na pista Deixe um comentário

  1. Gente…pelo amor de Deus.. tenham mais cautela nas suas atitudes, para que não aconteça mais isso.
    Essa parte da pista é Muito perigosa, falta Luz, falta espaço, existe um encurtamento da pista (de duas faixas a uma), motoqueiros cortando pela contramão, carros pelo acostamento, vários acidentes já marcados nesse mesmo local e as autoridades não melhoram o acesso. Quantas pessoas precisarão morrer pra que alguma coisa seja feita? Se tivesse sinalização, rotatória, faixas que dessem pra enxergar, respeito ao dirigir, respeito a lei que te proíbe de beber e dirigir, será que esse homem teria passado por isso?

    Por que não dão uma atenção a vida das pessoas que passam por esse local Todo Santo Dia e melhorem o acesso? Essa é a entrada e a saída da Cidade… A correria do Dia a Dia das pessoas passa por esse trecho. E eu pergunto novamente: quantas pessoas precisarão morrer pra que alguma coisa seja feita?
    Meus sentimentos à família!

  2. Gente…pelo amor de Deus.. tenham mais cautela nas suas atitudes, para que não aconteça mais isso.
    Essa parte da pista é Muito perigosa, falta Luz, falta espaço, existe um encurtamento da pista (de duas faixas a uma), motoqueiros cortando pela contramão, carros pelo acostamento, vários acidentes já marcados nesse mesmo local e as autoridades não melhoram o acesso. Quantas pessoas precisarão morrer pra que alguma coisa seja feita? Se tivesse sinalização, rotatória, faixas que dessem pra enxergar, respeito ao dirigir, respeito a lei que te proíbe de beber e dirigir, será que esse homem teria passado por isso?

    Por que não dão uma atenção a vida das pessoas que passam por esse local Todo Santo Dia e melhorem o acesso? Essa é a entrada e a saída da Cidade… A correria do Dia a Dia das pessoas passa por esse trecho. E eu pergunto novamente: quantas pessoas precisarão morrer pra que alguma coisa seja feita?
    Meus sentimentos à família!

  3. Gente eu moro em sumare e trabalho em Paulinia passo ali todos os dias com minha moto ontem estava fazendo compras e passei ali bem na hora do assistente passei de carro e fiquei impressionado agora sabendo que o piloto da moto falece fico triste mas vou dobrar a atenção mais ainda
    …..

  4. Bêbada Assassina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.